Julgamento da Prefeita de Italva é adiado para Segunda-feira

 https://noticiaurbana.com.br/wp-content/uploads/2017/12/margareth.jpg
O tribunal Regional Eleitoral (TRE) transferiu para a próxima Segunda-feira o julgamento do recurso da prefeita de Italva, Margareth do Joelson (PP), condenada à perda do mandato em primeira instância por compra de votos na eleição de 2016.
 O Julgamento estava marcado para a tarde desta quarta-feira no Rio de janeiro, A Ação de Investigação Judicial Eleitoral (Aije) foi movida por Leonardo Orato Rangel, o Léo Pelanca (PSC), que concorreu a prefeito e perdeu com uma diferença de 141 votos.

Entenda o Caso

Às vésperas do pleito, uma diligência da Justiça Eleitoral apreendeu 204 bonecas de brinquedo na casa da então candidata, que, segundo a denúncia, seriam utilizadas para distribuição em troca de votos. Lá também havia anotações de pagamentos, contas de luz e diversas cópias de título de eleitor.



Nenhum comentário