Produção de leite terá redução de 200 mil litros por causa da chuva

motivo é a dificuldade de escoamento da produção por causa do alagamento das estradas. Dois rios do Norte e Noroeste do estado estão em alerta máximo devido ao risco de transbordamento.

A produção de leite poderá cair em até 20%.

- Estamos restabelecendo as estradas Rurais. Nos locais onde a água ainda não baixou, não conseguimos realizar o trabalho – afirma o secretário, informando que Bom Jesus do Itabapoana foi um dos municípios mais prejudicados com as fortes chuvas.

PREVISÃO DE SOL NESTA SEMANA

No município de Varre-Sai, os produtores de café também encontram dificuldade para escoar o produto.

- Ainda não temos o levantamento do prejuízo total. Em Varre-Sai, não podemos escoar o café, por isso deslocamos para lá máquinas que fazem a manutenção da cidade. Estamos aumentando de 60 para 90 o número de equipamentos.

A expectativa, se o tempo ajudar, é em uma semana restabelecer 90% das estradas Rurais, o que é um prazo recorde para nós – diz Christino Áureo.

Esta semana promete ser de sol, segundo o meteorologista Alexandre Nascimento, do Instituto Climatempo: – O tempo estará bom e com pouca chuva no estado na última semana da primavera.

O primeiro dia de verão, que começa oficialmente às 15h11m de sábado, será bem típico da estação, com sol, calor e pancadas de chuva.

Ainda de acordo com o meteorologista, há previsão de chuvas fortes na semana do Natal e do réveillon.

- Há, inclusive, risco de temporais durante as festas.

Em janeiro, podemos ter bastante chuva, principalmente na primeira quinzena, com risco de temporais novamente – diz Nascimento.

Segundo o sistema de alerta de cheias do Instituto Estadual do Ambiente (Inea), os rios Muriaé e Itabapoana estão em situação de risco. O primeiro passa por quatro cidades: Cardoso Moreira, Laje do Muriaé, Italva e Itaperuna. Mas o alerta máximo atinge apenas o trecho que cruza o município de Laje do Muriaé. O segundo cruza o município de Bom Jesus de Itabapoana.

Anteontem, o secretário estadual de Agricultura percorreu as cidades de Itaperuna, Natividade, Varre-Sai e Bom Jesus de Itabapoana. Outra equipe sobrevoou Laje do Muriaé, Porciúncula, Cardoso Moreira, Italva e parte do município de Campos.

- O Rio Itabapoana transbordou e invadiu muitas áreas Rurais com as fortes chuvas, o que prejudicou a produção Agrícola da região – avalia o secretário.

A Defesa Civil já entregou colchonetes e cestas básicas para as pessoas acolhidas em abrigos.

FONTE: O GLOBO

Nenhum comentário