Paraíso alega que jogador teria sofrido racismo em jogo - Esporte Clube Italva nega o ocorrido


O Paraíso Esporte Clube da localidade de São João do Paraíso, divulgou em sua página no Facebook, que um dos seus atletas teria sido ofendido com xingamentos racistas por uma torcedora do Esporte Clube Italva durante o jogo deste domingo (31/03) no estádio Jorge Nasser em Italva pela Super Copa Noroeste de Futebol.

Na Nota de repúdio divulgada pelo Paraíso, informa que o jogador Gilsandro  durante o jogo, teria sido ofendido com palavras de cunho racista, ofensivo e humilhante, uma atitude segundo o clube inadmissível no mundo do esporte. O Clube disse ainda que pretende entrar com uma ação na liga para punir o clube Italvense.

O Blog Cardoso Moreira News Falou com o Presidente do Esporte Clube Italva Robertinho, que  disse que ficou surpreso com a nota publicada pelo Paraíso, “desconheço o que o clube Paraíso está divulgando nas redes sociais, eu não acredito que um torcedor do Italva tenha feito qualquer comentário racista, pois nosso torcedor não tem esse histórico! E sem falar que o Italva em sua longa existência, não possui nenhum caso de racismo. Pelo contrário, o Italva sempre acolheu a diversidade entre a cor da pele das pessoas — eu nem diria raça, porque para mim nós somos todos da raça humana, não gosto de divisões, até porque essas divisões são ilusórias, as cores da nossa camisa já mostra muito bem essa união – disse o presidente do Italva.


Nenhum comentário