Câmara de Cardoso Moreira reprova as contas de 2016 do EX-Prefeito Gegê Cantarino

https://2.bp.blogspot.com/-px3ZKec20tE/WzWYtdYBheI/AAAAAAAAGow/gt84QjOzd-Y1xnokFeQHhCvFNHwO037GwCLcBGAs/s640/DSC_0183.JPG
Por 8 votos a favor e apenas 1 contra, as contas do município de Cardoso Moreira, referentes ao ano de 2016 foram rejeitadas, em votação aberta na Câmara de Vereadores na noite desta quinta-feira (28/06).

Votaram contra o parecer emitido pelo TCE e pela aprovação das contas, a vereadora Geane Vincler  e pela rejeição das contas e à favor do relatório do TCE, votaram os vereadores: Salim Alexandre Tami, Neriete Navarro Alves, Ediel Sardinha, Renato Medeiros, Sebastião Basílio,  Flavinho Bonede, Jocenildo Medeiros e Tiago Monterio.

Com a decisão, o ex-prefeito Gegê Cantarino torna-se inelegível por oito anos, conforme previsão na Lei da Ficha Limpa.

A rejeição das contas atendeu a relatórios oferecidos pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE), e pelo conselheiro substituto Marcelo Verdini Maia, responsável pelo processo que apontou três irregularidades, treze impropriedades e 16 determinações.

Gegê Catarino em sua defesa no plenário da câmara, utilizando sempre a palavra "Gratidão", disse que os votos eram Políticos e não técnicos e que a votação era precipitada pois as contas não foram julgadas em definitivo pelo Tribunal de contas do estado.

Novo Cenário Politico

Com as rejeições das contas do ex-prefeito Gegẽ Cantarino, um novo cenário politico para o executivo no o ano de 2020 em Cardoso Moreira vem se desenhado!  De um lado Renato jacinto (PSDB) ex-prefeito e atual vice-prefeito apoiado pelo atual prefeito Gílson Siqueira e do outro Geane Vincler (PDT) ex-secretaria de assistência Social e atual Vereadora e líder da oposição e considerada por muitos Cardosense um fenômeno Politico local!
Share on Google Plus

About Anderson Lobo

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários :

Postar um comentário