Família Contesta Morte por Covid-19 a Cardosense que faleceu em São Fidélis


Na manhã desta quinta-feira o Blog Cardoso Moreira News replicou uma matéria da Folha da Manha no qual noticiava que um óbito ocorrido no dia 19 de maio no Hospital Armando Vidal em São fidelis por Covid-19,  O óbito chegou a ser registrado no boletim de São Fidélis e depois retirado pois essa vitima era morador de Cardoso Moreira, a Secretaria de Saúde de Cardoso Moreira não incluiu esse óbito em seus registro pois informou que aguarda as informações do governo do estado. Mais a família da vitima nega que ele tivesse o Coronavírus e contesta as informações da secretaria de saúde de São Fidélis.


O Blog entrou em contato com a neta da vitima que bastante indignada afirma que seu Avô não tinha o Covid-19 e que no atestado de óbito dele consta que o falecimento foi por Pneumonia Bacteriana.



Segundo a Neta da vitima; " Meu avô tinha problemas de saúde desde os 36 anos devido um acidente de cavalo e quando chegou a idade avançada deu um AVC com um coagulo no cérebro, e com idade avançada ele teve outras complicações devido a idade como problemas no coração, problemas na próstata, ele era uma pessoa muito doente e tomava muitos remédios. a alguns meses atras ele levou outro tombo e teve mais um coagulo e outro avc, então levamos para o hospital Armando Vidal em São fidélis onde devido a gravidade ele foi transferido para o hospital Ferreira Machado em Campos onde foi feito uma cirurgia para retirar o coagulo, depois desta cirurgia ele foi levado de volta para São fidélis, depois de alguns dias ele tinha pegado uma bactéria no pulmão que segundo os médicos foi através do tubo de alimentação, os medicos deram medicamentos para combater a infecção bacteriana só que ele começou a piorar então falaram que ele tinha coronavírus, só que meu avô já tinha feito um exame em campos onde deu negativo, o pessoal do hospital queriam transferir meu avo para ala de pessoal infectado por coronavírus onde veio a falecer.  Meu pai e minha tia tiveram contato o tempo todo com meu avo e não foram infectados e meu pai e minha tia tiveram contato com toda a família e ninguém ficou infectado. Toda família esta revoltada com essa historia mentirosa, meu pai esteve no hospital para pegar o exame e não deram a ele. Meu avo desde o inicio da quarentena não recebia visitas, e como uma pessoa que só vivia reclusa pode pegar esse vírus?


A demora do Governo do estado em liberar o exame demostra que algo errado aconteceu,


Nenhum comentário