Renato Jacinto nega falta de repasse a Fundo da Previdência


O ex-prefeito de Cardoso Moreira e atual vice-prefeito, Renato Jacinto, comentou, nessa segunda-feira (17), a respeito sua condenação, em primeira instância, a devolver a quantia de R$ 470.902,22 que, de acordo com entendimento da Justiça, deixaram de ser repassados pela sua gestão ao Fundo Municipal de Previdência Social dos Servidores. De acordo com Renato, ele nunca deixou de fazer os repasses devidos. O político ainda afirmou que vai recorrer da decisão: “Esperamos a sua reforma mesmo porque não tenho condições de arcar com tão vultuosa quantia fixada pelo meritíssimo juiz”.

Segundo Renato Jacinto, apesar das dificuldades que tive durante o último governo, principalmente no final do mesmo, “nunca deixamos de fazer os devidos repasses referentes à parte do servidor ao Fundo de Previdência do município. Ressalto que jamais tive qualquer vantagem com o erário, seja político ou econômico”, afirmou.
 
— Infelizmente não foi assim que o magistrado entendeu, mas respeitamos a sua sentença. Vamos recorrer visando reformar a decisão, para que, na nossa opinião, a justiça seja feita, uma vez que estou certo que não houve lesão ao referido Fundo como mostra o documento que segue em anexo fornecido pelo mesmo — disse.
 
Segundo o Ministério Publico, havia dano proveniente do não-repasse das contribuições previdenciárias no prazo correto e tendo sido constatado pelos peritos que a Prefeitura de Cardoso, entre 2005 e 2008, não teria repassado para o Fundo de Previdência os recursos retidos na folha de pagamento dos servidores.

Fonte: Folha da manha
Share on Google Plus

About Anderson Lobo

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários :

Postar um comentário