Piratas do Asfalto X Usuários da BR-356: Onde Ter Mais Cuidado - Por Nino Bellieny

http://fmanha.com.br/blogs/nino/files/2015/09/11895943_10206071175233396_589147910007066045_n.jpg
Mesmo com as ininterruptas investigações e aumento da vigília da Polícia Militar dos batalhões de Campos e Itaperuna, em parceria com a Polícia Rodoviária Federal e a Polícia Civil, os motoristas que fazem uso constante da Br-356, continuam temerosos.  Com a intensidade do envolvimento policial, os Piratas da Rodovia deram uma trégua. Mesmo, assim, transitar pela BR, entre as 23:00h e as 07:00h, ainda é uma atividade tensa.
OS PONTOS MAIS PERIGOSOS E AS RAZÕES
Três Vendas– Uma sequência de quebra-molas de tamanhos variados obriga o motorista a diminuir a velocidade.
Ponte de Outeiro-Entrada da Fazenda Vermelha- Um erro de engenharia aumentou-se com o tempo e um ressalto significativo no meio da pista da estrutura, faz os veículos saltarem. Dependendo da velocidade, o automóvel pode voar literalmente.
Morro de Santana– Curva fechada onde a 80 kms por hora um automóvel perde fácil o controle. O eixo gravitacional pode puxar ou empurrar o carro em vários pontos da mesma curva. Antes, há uma outra, onde a velocidade  também decai.
Morro do Telefone- Vindo de Campos, quase chegando na Entrada de São Joaquim, pista irregular, curva perigosa e em seguida um longo aclive. Para quem vai, descida em curva e a mesma necessidade de diminuir a velocidade.
NESTES 4 CENÁRIOS
Os assaltos aconteceram até agora.
Modus Operandi– Os piratas da rodovia, em motocicletas, encostam nos carros, apontam as armas, ( há relatos de fuzis), e como a velocidade é baixa devido às dificuldades dos locais descritos, obrigam os motoristas a pararem imediatamente. A surpresa inevitável de quem nunca passou por situação semelhante e a ousadia dos executores do crime, facilitam a operação. E mais um número engorda as estatísticas.
ROTAS DE FUGA
São centenas de estradas vicinais, ao longo da BR-356, facilitando o escape dos assaltantes. Elas se intercruzam e tanto podem levar à BR-1o1 ou à RJ- 158, (EstradaCampos-São Fidélis), além de inúmeras outras possibilidades.
INFORMANTES
Moradores de Italva e Cardoso Moreira suspeitam da existência de olheiros, responsáveis por dicas certeiras de quem estaria viajando em determinadas horas e transportando que tipo de valores. Outros acham que são ações aleatórias. Os assaltantes simplesmente já conhecem os pontos fracos da rodovia, observam a velocidade do carro e atacam no ponto exato.
PROVÁVEL MOTIVAÇÃO DOS CASOS
A queda de uma bem montada refinaria de cocaína, em uma recente ação dos policiais do 29º BPM- O laboratório era localizado no limite dos municípios de Cardoso Moreira e Campos dos Goytacazes- Para repor o prejuízo os assaltos estariam ocorrendo.
O TRABALHO POLICIAL
Fruto de uma parceria bem orquestrada, entre a PM, via coronel Baracho, comandante do 6º Comando de Policiamento de Área,  ten-cel Sylvio Guerra, comandante do 29º de Itaperuna,  ten-cel Marcelo Freiman, comandante do 8º de Campos, Policias Civil e Rodovária Federal, mesmo com todas as dificuldades geo-topográficas de uma região de considerável tamanho, os piratas do asfalto podem contar os dias. O cerco está se fechando. A Operação Alicate está em curso. O aparato envolvido é grande e inclui novidades bem guardadas pelos policiais. E só vai terminar quando apertar de vez. Como disse um PM de vasta experiência em assuntos bem mais complicados: “A casa vai cair…”


PM 

fonte Blog do Nino Bellieny -  http://fmanha.com.br/blogs/nino/

Nenhum comentário