Americano de volta a Cardoso Moreira


Clique na foto para ampliá-la

Os próximos jogos do Americano, na segunda e terceira rodada do Campeonato Estadual da Série B, contra América e São João da Barra, vão ser realizados em Cardoso Moreira. A diretoria do clube campista tentou transferir as partidas para a cidade de Quissamã, já que o Estádio Antônio Ferreira de Medeiros não está apto a receber o público, mas com o veto da Federação, que ontem negou a autorização para a mudança, os jogos foram confirmados no local para onde estavam programados.

Para o jogo com o América na tarde de amanhã, o técnico André Pimpolho deverá manter a mesma formação que goleou o São Gonçalo e que a cada partida vem crescendo de produção. O jogo com o América é considerado fundamental para o time brigar pela liderança e a classificação, já que o time carioca é uma das forças da competição e adversário direto. No sábado, o time vai ter outro jogo decisivo com o São João da Barra.

Goyta quer os pontos do jogo de sábado

O Goytacaz vai acionar a justiça desportiva para ganhar os pontos da partida do último sábado no Estádio Telê Santana, em Duque de Caxias, quando empatou com o Barra da Tijuca, em 2 a 2, na abertura do returno da Série B do Estadual.

Na súmula da partida, apresentada na tarde de ontem, foi anexado um boletim de ocorrência sobre agressões e ameaças a mão armada, que os árbitros sofreram uma hora após o jogo. O árbitro Mario Vinícius Baptista Valentin e o assistente Rodrigo Azevedo de Lacerda, foram acuados e agredidos por três homens armados após a partida. "O Goytacaz vai tomar providências. Os bandeiras foram coagidos o tempo todo durante o jogo e não há duvidas de que o resultado da partida teve influência em cima de toda essa pressão que se confirmou com a informação da violência que sofreram com a emboscada" afirmou o supervisor Júnior Brasília.

São João da Barra vai ter mudanças

Após conquistar os primeiros três pontos no returno ao vencer por WxO o Paduano, o São João da Barra vai ter pela frente nesta quarta-feira às 19h o São Gonçalo, pela segunda rodada do returno, no Estádio Municipal Manoel José Viana de Sá. Os ingressos já estão à venda e podem ser adquiridos pelo preço promocional de R$ 5 até às 18h de hoje no local da partida.

O técnico Andrade já anunciou que vai promover alterações na equipe, mas só vai divulgar o time momentos antes da partida. Segundo ele, o confronto com a equipe da região metropolitana do Rio, vai exigir respeito, mas é obrigação do grupo conquistar mais três pontos e se manter nas primeiras colocações do Grupo B da Série B. "Será uma partida difícil e que vai requerer atenção do início ao fim. Aprendemos uma dura lição no primeiro turno quando perdemos cinco pontos para equipes que ocupavam a zona de rebaixamento e teremos pela frente um adversário que está em situação perigosa, vindo de goleada sofrida na estreia. Em casa temos excelente aproveitamento e este é o principal objetivo. Contra o São Gonçalo temos que manter os cem por cento de aproveitamento e a liderança do grupo, o que só vai ser alcançado se impusermos o nosso estilo de jogo com tranquilidade e respeito", afirmou.

Sem contar com o capitão e artilheiro Rondinelli, ainda contundido, Andrade busca uma equipe coesa, mas sem perder o poder de criação e, para tanto, o técnico sanjoanense aposta na entrada do meia Miguel entre os titulares. Formado nas categorias de base do Vasco, o jogador mostra motivação mesmo diante da responsabilidade de substituir o maior ídolo do São João da Barra. "Será uma grande missão vestir a camisa usada pelo Rondinelli e isso só me motiva porque não só eu como todos do grupo queremos homenageá-lo com mais uma vitória e deixar o time na liderança. Vou aproveitar a oportunidade e repetir o que venho mostrando nos treinos para me manter entre os titulares, mesmo com a concorrência de alto nível", garantiu.
Fonte: O Diario

Nenhum comentário