Nível do rio Muriaé começa a baixar em Itaperuna,

http://tribunademuriae.com.br/site/wp-content/uploads/2013/12/ita-01.jpg
Não choveu em Itaperuna, Noroeste Fluminense, durante a madrugada desta sexta-feira (13) e, por isso, o nível do Rio Muriaé, que transbordou durante a noite, começou a baixar. Porém, segundo o Instituto Estadual do Ambiente (INEA), o rio que corta a cidade permanece em estado de alerta máximo.
De acordo com a Defesa Civil, pelo menos sete famílias precisaram deixar suas casas e procurar outros locais, como abrigos e casa de parentes. o Rio Muriaé marcou durante a noite de quinta 4,80 metros, cerca de 60 centímetros acima do nível de transbordo.

Os bairros alagados em Itaperuna são Niterói, Frigorífico, Carula, Centro (Av. Beira Rio) e Boa Vista. Duas equipes da Defesa Civil estão nos bairros alagados para monitorar o escoamento da água e pontos com risco de deslizamentos. O km 4,3 da RJ-220, que liga Itaperuna a Natividade, chegou a ser interditado durante à noite pela Defesa Civil para evitar acidentes, mas o trecho já está liberado nesta sexta-feira.
O alagamento também causou o cancelamento dos atendimentos no posto de saúde Doutor Raul Travassos. De acordo com a Prefeitura de de Itaperuna, as consultas marcadas para esta sexta-feira serão remarcadas e todos serão atendidos em outra oportunidade. Ainda segundo a administração pública, todos os esforços estão sendo empregados para que a situação seja normalizada o mais rápido possível, a fim de melhor atender a população do município.

Nenhum comentário